quinta-feira, 16 de agosto de 2007

Esqueleto esvoaça em templo protestante


Desde dezembro de 2006, o artista francês de origem argelino Abdel Abdessemed exibe na igreja protestante de São João Evangelista de Berlim, sua obra Habibi: um esqueleto gigante que esvoaça pelo templo como um espírito de morte. A figura é um cântico ateu ao triunfo da morte e do nada sobre a religião.
Para obter esse efeito o artista explorou os imponderáveis do templo protestante. Nas igrejas católicas a nota tônica é dada pela unção, a doçura, a bondade, o aconchego espiritual, emanados da suave presença do sobrenatural, da ação discreta mas profunda do Espírito Santo. Nos templos protestantes predomina o frio, o hirto, o seco que derivam do espírito de livre exame e de revolta deixado por Lutero.
Nas católicas habita a graça; nas protestantes esvoaça a morte espiritual. A hedionda "obra" acaba sendo uma constatação deste contraste.

segunda-feira, 6 de agosto de 2007

Modelos macabros na São Paulo Fashion Week

A São Paulo Fashion Week tocou o mais fundo do poço da extravagância, do mau gosto, da perversão e da imoralidade com uma coleção de modelos masculinos macabros concebidos pelo estilista Alexandre Herchcovitch. As roupas remetiam ao grupo rock satanista Kiss, da década de 80. A aparência era deliberadamente agressiva, a música lembrava marcha fúnebre, a cor dominante era a preta e os modelos portavam até instrumentos sadomasoquistas. A coleção foi ovacionada pela platéia. Essa apresentação representa prova cabal e repugnante de tendências satanistas no mundo moderno.