segunda-feira, 19 de abril de 2010

Adicção a Internet e celulares gera perturbadoras patologias psiquiátricas

Prius: criavam uma "filha" virtual enquanto morria a real
Na Coréia do Sul, um casal adicto a Internet deixou morrer sua filha de três meses por falta de cuidados enquanto “criava” uma “filha virtual” num cybercafé, informou a polícia, segundo AOL News.

A criança morreu de desidratação e desnutrição. O casal deixava o bebê sozinho em casa, aonde só voltava uma vez por dia, e passava o dia no cybercafé onde eram fanáticos do jogo online Prius.

O casal desligou da realidade imediata em aras de uma ficção, fato que levou a morte de seu filho, disse Chung Jin-Won, o delegado que cuida do caso.
Cybercafé

O caso foi incluído pelos especialistas entre as crescentes patologias psiquiátricas ligadas à adicçao à Internet.

No mês passado, um jovem de 24 anos morreu num cybercafé de Kwangju após passar 86 horas interruptas diante do videogame.

Estas novas patologias somam-se às ligadas à adicçao aos celulares que levam a interromper o relacionamento normal com os seres humanos vizinhos em aras de contatos eletrônicos longínquos.

Desejaria receber atualizações gratis e instantâneas do blog 'Luz de Cristo x trevas da irracionalidade' no meu E-mail

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.