quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Unificação européia avança intimidando e fugindo da voz popular

Após a Irlanda dizer “Não” ao projeto de Constituição Européia visceralmente anticristão contido no Tratado de Lisboa, a União Européia constrangeu o país a reformar o voto num segundo plebiscito. Na segunda vez, venceu o “Sim”.

A grande revista alemã “Der Spiegel” registrou que muitas vozes na Alemanha “lamentaram que tivesse sido necessária uma campanha de intimidação para produzir o resultado desejado”.

A unificação européia é animada pelo espírito tóxico da República Universal e prossegue seu caminho atropelando os países que querem resistir.

Só a Irlanda convocou plebiscitos, constrangida por peculiaridades jurídico-constitucionais do país.

Em todos os demais países europeus, a União Européia trabalhou para impedir que o povo fosse consultado, porque sabia que o projeto seria recusado em, pelo menos, várias das mais importantes nações.

O projeto anti-cristão não convenceu e está sendo introduzido à força em populações que manifestamente não o desejam. Desse atropelamento só poderão advir desastres.

Desejaria receber atualizações gratis e instantâneas do blog 'Luz de Cristo x trevas da irracionalidade' no meu E-mail

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.