domingo, 13 de julho de 2008

Sob pretexto de “direitos humanos”, Conselho da ONU pede abolir monarquia inglesa

O Conselho para os Direitos Humanos da ONU [foto] publicou um extravagante relatório pela abolição da monarquia na Grã-Bretanha.

Ele propõe um “plebiscito” cujo resultado anuncia por adiantado: uma “Constituição escrita preferentemente republicana”.

O Conselho hoje inclui países como Cuba, Sudão, Síria, Arábia Saudita e Sri Lanka, onde as arbitrariedades dos regimes e as execuções sistemáticas de dissidentes políticos e religiosos são notórias.

A interpretação revolucionária dos Direitos Humanos glorificando o criminoso e punindo o cidadão honrado não-esquerdista é aplicada agora às formas de governo.

A monarquia inglesa nasceu sob as bênçãos da Igreja e hoje é grande fator de estabilidade e dignidade do país enquanto governos esquerdistas ou anti-cristãos ditaminam sobre direitos humanos!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.