quinta-feira, 16 de agosto de 2007

Esqueleto esvoaça em templo protestante


Desde dezembro de 2006, o artista francês de origem argelino Abdel Abdessemed exibe na igreja protestante de São João Evangelista de Berlim, sua obra Habibi: um esqueleto gigante que esvoaça pelo templo como um espírito de morte. A figura é um cântico ateu ao triunfo da morte e do nada sobre a religião.
Para obter esse efeito o artista explorou os imponderáveis do templo protestante. Nas igrejas católicas a nota tônica é dada pela unção, a doçura, a bondade, o aconchego espiritual, emanados da suave presença do sobrenatural, da ação discreta mas profunda do Espírito Santo. Nos templos protestantes predomina o frio, o hirto, o seco que derivam do espírito de livre exame e de revolta deixado por Lutero.
Nas católicas habita a graça; nas protestantes esvoaça a morte espiritual. A hedionda "obra" acaba sendo uma constatação deste contraste.

Adolescente flagra fraude do Kremlin difundida pela mídia mundial


A Rússia propalou o “sucesso tecnológico” de depositar sua bandeira a 4200 metros de profundidade no Ártico. Ela reivindica a soberania — muito discutível — sobre a região, que teria grandes jazidas. A mídia espalhou fotos e filmes da “façanha” pelo mundo inteiro. Até que o adolescente Waltteri Seretin, 13, de Kemi (Finlândia) descobriu que as cenas do “feito” russo foram tiradas do filme de expedição finlandesa que vasculhou os restos do “Titanic”. Resultou ser que até os submarinos “russos” usados eram finlandeses. A mentira tem pernas curtas. A agência Reuters — a maior do mundo — e jornais como “The Guardian” pediram desculpas aduzindo que as cenas foram fornecidas pelo próprio Kremlin. A Rússia fingiu não ter sido pega em flagrante e disse que agora pensa em enviar seus navios de guerra ao Mediterrâneo.

terça-feira, 14 de agosto de 2007

Washington: máquina para cumprimentar, faltam boas maneiras


Num estacionamento da capital dos EUA foi montada a “Máquina dos Cumprimentos”. Ela dispensa aos passantes 150 gentis saudações do gênero “o Sr. é um bom motorista” ou “a Sra. escolheu um bom perfume”. I. é, algo raro de ouvir numa cidade hodierna onde proliferam a acrimônia e até os insultos. O artefato faz parte do Washington Project for the Arts Site Project, informou ABC News. Ele é uma patética proclamação da falta de boas maneiras. O mundo se afasta cada vez mais enlouquecidamente da nobreza, do respeito, do bom tom e da doçura de trato próprias do ambiente cristão.

segunda-feira, 13 de agosto de 2007

Mochila a prova de balas para os filhos na escola


Espantados com a violência nas escolas, pais de família americanos inventaram uma mochila a prova de balas para que seus filhos levem na escola, informou “The Boston Channel”. Em caso de violência os alunos poderão usá-las como escudo protetor explicou Joe Curran, inventor da mochila junto com Mike Pelonzi. Ela foi testada em laboratório e resiste até balas de 9 milímetros. Diante das ameaças que rondam as crianças na escola pensa-se até com saudade nas escolas das abadias medievais, tão mais seguras, estáveis, formativas e sólidas.

domingo, 12 de agosto de 2007

UE prepara tratado para ladear aspiração popular


Devido à recusa generalizada das populações à Constituição Européia, os dirigentes da União Européia (foto) combinaram uma reforma do tipo passa-moleque, para ludibriar a população. Em Bruxelas, aprovaram a redação de um novo texto que apenas “maquia a idéia de Constituição”. A finalidade das alterações, segundo a agência EuroNews, é ocultar aos cidadãos o fato de estar sendo criado um Estado federal europeu. Para o diário parisiense “Le Monde”, o importante é que o novo tratado pareça suficientemente diferente da repudiada Constituição Européia, “para justificar o abandono da ratificação via referendum”. Ou seja, para fugir da vontade popular, que em teoria é proclamada soberana!

Mais de 90% das notas de euros impregnadas de cocaína



94% das notas de euros que circulam na Espanha têm traços de cocaína, segundo análise do laboratório catalão Sailab noticiado pelo diário de Madrid El Mundo. Os adictos usam notas para formar o canudo por onde aspiram o pó da droga. Na Espanha o governo socialista liberalizou o consumo e porte de drogas, pelo que há por volta de 475.000 cocainômanos regulares. Índices análogos foram colhidos nas notas em países que despenalizaram o uso e porte de droga: na Alemanha em 2003, e na Grã-Bretanha em 2002, onde também apareceram traços de heroína e ecstasy.

sexta-feira, 10 de agosto de 2007

Índios expandem império da jogatina nos EUA


Indios da tribo Seminole, cuja reserva fica no estado de Florida, EUA, compraram a cadeia mundial de restaurantes e cassinos Hard Rock Cafe por 965 milhões de dólares. Os seminoles e outras tribos americanas criaram impérios de jogatina e prostituição nas suas reservas amparados por utópicas leis de proteção às regiões e culturas indígenas. Todo o país é prejudicado por este tribalismo dissolutivo. Utopismos análogos impedem que os índios se integrem na civilização brasileira, e permitem que os mais astutos deles depredem as reservas “protegidas” pela lei contra o progresso da cultura.

segunda-feira, 6 de agosto de 2007

"Bispa” e "bispos" homossexuais entre episcopalianos


O Cardeal Walter Kasper, presidente do Pontifício Conselho para a Unidade dos Cristãos, declarou que se os anglicanos nomearem “bispas”, o diálogo e a unidade no ecumenismo ficará “inatingível”. Pouco depois, a “bispa" de Nevada, Katharine Jefferts Schori, foi eleita primaz da igreja episcopaliana (nome dos anglicanos nos EUA). Nessa ocasião, a cúpula dessa confissão religiosa decidiu que não “sagraria” mais “bispos” homossexuais. Na realidade, como tais "bispos" não têm o verdadeiro sacramento da Ordem, nenhum deles é autenticamente bispo ou sacerdote.

Maomé: nome mais dado a recém-nascidos na Grã-Bretanha


No Reino Unido, o segundo nome mais atribuído às crianças em 2006 foi Maomé, do fundador do Islã, e espera-se que neste ano se torne o primeiro, informou o diário londrino “The Times”. Maomé superou nomes tipicamente ingleses, como Thomas ou Oliver. A razão é óbvia: as famílias maometanas têm muito mais filhos que as inglesas, e mostram maior coerência com as falsas crenças introduzidas por Maomé. Os muçulmanos correspondem a 3% da população britânica e estão em rápida expansão, pois atingem uma taxa de nascimento três vezes superior à dos não-islâmicos.

Modelos macabros na São Paulo Fashion Week

A São Paulo Fashion Week tocou o mais fundo do poço da extravagância, do mau gosto, da perversão e da imoralidade com uma coleção de modelos masculinos macabros concebidos pelo estilista Alexandre Herchcovitch. As roupas remetiam ao grupo rock satanista Kiss, da década de 80. A aparência era deliberadamente agressiva, a música lembrava marcha fúnebre, a cor dominante era a preta e os modelos portavam até instrumentos sadomasoquistas. A coleção foi ovacionada pela platéia. Essa apresentação representa prova cabal e repugnante de tendências satanistas no mundo moderno.

domingo, 5 de agosto de 2007

Mesquitas tomam o lugar de igrejas e geram polêmicas na Europa

Mesquita em Gibraltar

Em Mannheim, Alemanha, ergue-se uma grande mesquita numa região que outrora albergava um catolicismo fervoroso. Enquanto isso as igrejas católicas vão fechando. Das irmãs do Divino Salvador que há alguns anos eram 180, só ficam 8. No fim de semana apenas 150 fiéis assistem à missa na igreja de Nossa Senhora (Liebfrauen) enquanto que 3.000 muçulmanos se concentram na mesquita de Yavuz-Sultan-Selim aberta em 1995. Mannheim é um exemplo da ameaça à cultura cristã européia, escreveu “Der Spiegel”. Por isso mesmo, projetos de grandes mesquitas em Colónia, Amsterd, Londres ou Sevilha encontram muita resistência, além do medo de se transformarem em centros de terrorismo.